Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Small Church

Small Church

Acriançados e Perigosos

As várias trajetórias da parvoíce alinham-se e há um momento em que surgem juntas no mesmo dia.

É propósito do PAN criar uma espécie de SNS para animais de companhia. Ainda não fizeram as contas mas o importante é que as pessoas que não podem pagar cuidados aos animais de companhia possam usufruir de uma ajuda de todos nós. Temos de ser uns para os cães dos outros, não é verdade?

Em San Francisco foram banidas dos sistema judicial as palavras felon (em português, "criminoso") e convicted ("condenado"). A ideia é evitar que as pessoas em causa se sintam ofendidas. A partir de agora aquele homicida ou aquela mulher que espancou um velhote para o roubar passam a ser justice-involved persons ("pessoas envolvidas com a justiça"). Já um delinquente juvenil passa a young person impacted by the juvenile justice system ("jovem impactado pelo sistema de justiça juvenil"). E há muitos mais exemplos, claro.

Por cá, há uma suposta lei acerca da proteção dos transexuais nas escolas que ordena que as crianças da primária tenham sessões de esclarecimento e divulgação acerca das questões de género. Vendo bem, se segundo Isabel Moreira, deputada do PS, todos temos de pedir desculpa aos moços e moças transexuais pelo sofrimento passado, presente e futuro, faz sentido começar a culpar as crianças não-trans o mais cedo possível. Para quê perder tempo?

A Amazónia arde. O nome Bolsonaro aparece em todos as manchetes relacionadas numa excitante e bizarra relação de causa e efeito. Um pouco mais tarde surge também Trump nas mesmas linhas. A relação dos males do mundo afunila-se na imprensa- Aquecimento Global, Trump, Racismo, Bolsonaro, Salvini, Violência  de Género, Xenofobia, Fascismo e Extrema-Direita são insinuados como sendo faces do mesmo estranho objeto. É como se todas as más noticias estivessem ligadas a um denominador comum misterioso, uma espécie de Matéria Negra que, como na astrofísica, se tem certeza que existe para que tudo o resto seja mais ou menos credível mas que, de facto, nunca se observou.

Os nossos tempos são parvos e acriançados. Exagera-se e depois paga-se. Sou otimista, mas às vezes parece que isto vai correr ainda pior do que já correu.

 

1 comentário

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D